Notícias

Produtores rurais de Lorena e Lagoinha devem entregar embalagens vazias de defensivos agrícolas

A Associação Agropecuária de Guaratinguetá e a Cooperativa de Laticínios Serramar promovem em setembro a coleta de embalagens vazias de defensivos agrícolas, em Lorena e Lagoinha, pela "Operação Campo Limpo".

A primeira ação será em Lorena na próxima quinta-feira (15/09), no Recinto de Exposições dos Sindicatos Rurais de Lorena e Piquete, no km 25 da rodovia Lorena-Itajubá.

No dia 22, será a vez dos produtores de Lagoinha entregarem o material, no Recinto de Exposições da cidade "Benedito Viriato de Campos". O horário dos recolhimentos será das 9h às 16h.

De acordo com a legislação ambiental, todas as embalagens de defensivos agrícolas devem ser encaminhadas para pontos de coleta autorizados, dentro do prazo de um ano após a compra do produto, para evitar riscos de contaminação do solo. O descumprimento da regra implica em sanções e multa.

Para efetuar a entrega, é preciso apresentar, CNPJ, Inscrição Estadual, nome completo e endereço da propriedade. Além disso, as embalagens devem estar vazias, perfuradas e no caso de produtos líquidos, passar pela tríplice lavagem.

Controle

De janeiro a junho de 2016, o Sistema Campo Limpo já retirou das propriedades brasileiras mais de 23 mil toneladas de embalagens. Somente na região, as ações realizadas em Guaratinguetá e Lorena em 2015 resultaram na coleta de mais de 6 mil unidades, de acordo com dados do InpEV - Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias.

"É importante que o produtor respeite essa obrigação, pois a partir do próximo ano a comercialização desse tipo de produto será controlada pelo sistema GEDAVE (Gestão de Defesa Animal e Vegetal), aumentando ainda mais o rigor da fiscalização", disse Thiago Chaves, presidente da Associação Agropecuária de Guaratinguetá.

No dia 20 de outubro, a coleta ocorrerá em Guaratinguetá, na sede da Secretaria Municipal de Agricultura, na rua Alberto Barbeta 1400, no bairro Jd. Coelho Neto. As ações têm o apoio das prefeituras de Guaratinguetá, Lorena e Lagoinha e dos Sindicatos Rurais de Guaratinguetá, Lorena e Piquete, além das revendas Companhia da Terra, Verde Vale, PRC AgroUnião. Mais informações pelos telefones (12) 3132-4400.

No Vale do Paraíba o descarte regular das embalagens deve ser feito em Taubaté, na sede do InpEV - Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias, localizado na Avenida José Geraldo de Matos, nº 765 A, no Distrito Industrial do Piracangaguá.